Resultado da pesquisa

  • O Hepatozoon spp. é um protozoário, transmitido por artrópodes (carrapatos, ácaros, piolhos, entre outros) que podem atuar como hospedeiros definitivos, responsáveis por causar a Hepatozoonose. Os sinais clínicos incluem anorexia, mucosas pálidas, febre, poliúria, polidipsia, vômitos, diarréia, fraqueza, depressão, ataxia dos membros posteriores, emaciação e linfadenopatia periférica. O diagnóstico é feito através da identificação dos gamontes em neutrófilos ou monócitos, podendo muitas vezes o parasita ser encontrado casualmente em cães sem sinais clínicos, reafirmando o relato em questão, onde o animal não apresentou a sintomatologia da doença, mas houve a identificação de gamontes em neutrófilos. O tratamento foi feito com a associação de dipropionato de imidocarb e doxiciclina como é preconizado na literatura.

    Março - v. 11, No. 3, p. 207-312 (2017)

Idioma

Conteúdo da revista

Edicões