Resultado da pesquisa

  • O Brasil é um dos países de maior potencial de produção pecuária, determinado principalmente pelas suas condições climáticas, vasta extensão territorial e plantas forrageiras, que constituem a base da dieta dos ruminantes na grande maioria dos sistemas de produção existentes no país. Nessa premissa, uma das alternativas para solucionar a falta de alimento durante o período do ano é a conservação do excedente da produção de capim na forma de silagens. Porém, o elevado teror de umidade no momento da ensilagem predispõem o crescimento de microrganismos indesejáveis, que resultam em perdas por gases e efluentes. Entretanto, uma das formas de reduzir essas perdas é a adição de coproduto com alto poder higroscópico e que aumente o valor nutricional e beneficie a fermentação durante o processo de conservação da forrageira. Desenvolveu-se o presente estudo com o objetivo de avaliar o perfil fermentativo, as perdas por gases e efluente, recuperação de nutrientes, o valor nutritivo, a degradabilidade ruminal in situ e o fracionamento de carboidratos e proteína das silagens de capim contendo aditivo higroscópico, como o farelo de arroz.

    Fevereiro - v. 12, No. 2, p. In Press (2018)
  • A utilização de coprodutos das agroindústrias na alimentação animal já é realizada á muitos anos. Com o incentivo a produção nacional de Biodisel a geração desses subprodutos teve significativo aumento, possibilitando sua utilização na alimentação animal, pelo aumento da oferta de farelos ou tortas oriundos da extração do óleo de oleaginosas. O farelo de soja é a principal fonte protéica utilizada na alimentação de animais ruminantes e monogástricos, todavia com o aumento da demanda mundial por alimentos de alto valor proteico, não competitivos com a alimentação humana, impulsiona a utilização destes coprodutos na alimentação animal, principalmente para ruminantes, pela sua capacidade singular de transformação de fibras não digestíveis pelo organismo humano, em produtos de alto valor biológico, como carne e leite. Dentre as culturas utilizadas na produção de Biodiesel, o girassol teve expressivo aumento na produção e produtividade nos últimos anos, graças a sua capacidade de adaptação a diversas condições edafoclimáticas. Os coprodutos do girassol possuem características nutricionais favoráveis para alimentação dos animais de interesse zootécnico, minimizando os custos de produção e maximizando a produção de carne e leite

    Jul. - v. 9, No. 07, p. 287 - 347 (2015)

Idioma

Conteúdo da revista

Edicões