Resultado da pesquisa

  • O objetivo deste trabalho foi relatar um caso de um cão naturalmente infectados por Leishmania spp. com apresentação clínica incomum e não relatada. O canino, sem raça definida, macho, de 4 anos de idade, foi atendido com histórico de ulceração no terço médio da língua, medindo em torno de 2 cm de diâmetro, com aparecimento há 5 meses. O exame citopatológico foi determinante para a visualização de formas amastigota de Leishmania spp, sendo possível o diagnóstico de leishmaniose.

    Novembro - v. 11, No. 11, p. 1074-1187 (2017)

Idioma

Conteúdo da revista

Edicões