v. 11 No. 09 p. 840-946 (2017) >>

Diagnosticando a cistite idiopática felina: Revisão

  • Diagnosticando a cistite idiopática felina: Revisão

    Murilo Ramos Bastos de Oliveira, Catarina Rafaela Alves da Silva, Kennya Cristina Damasceno de Jesus, Karoline Figueredo Rodrigues, Raquel Albuquerque Silva, Sergio Diego Passos Costa, Francisco Lima Silva, Marcelo Campos Rodrigues

    Resumo

    Sabe-se que a casuística de gatos que apresentam sinais clínicos referentes ao trato urinário inferior (STUI) no mundo inteiro é enorme. Mas, reconhece-se também que, na maioria desses casos, não se conhece a causa específica que desencadeia tais sinais, assim como, sinais referentes a outros sistemas que por ventura venham a ser acometidos anteriormente ou concomitantemente aos STUI. O objetivo desse trabalho é investigar quais as evidências existentes atualmente sobre a cistite idiopática/intersticial felina (CIF) e como que se dá a abordagem do paciente felino para essa síndrome: quais perguntas devem ser feitas ao tutor, os achados dos exames físico e complementar, bem como os tratamentos mais indicados em cada caso em particular.

    Palavras-chave

    hematúria felino , gato , síndrome , stui

    Texto completo:

Setembro

Idioma

Conteúdo da revista