v. 11 No. 06 p. 538-645 (2017) >>

Intoxicação por ingestão de Brachiaria decumbens em bovinos no Brasil e achados patológicos decorrentes: Revisão

  • Intoxicação por ingestão de Brachiaria decumbens em bovinos no Brasil e achados patológicos decorrentes: Revisão

    Lucilo Bioni da Fonsêca Filho, Vitória Yuki Endo, Tamiris Maria da Silva, Érica Lúcio Chaves, Maria Luiza Alves Pereira, Júlio Cézar dos Santos Nascimento

    Resumo

    Essa revisão de literatura tem como objetivos mostrar a importância da gramínea Brachiaria decumbens na produção animal de bovinos, abordando fatores como ganho de peso animal, palatabilidade, qualidade nutricional da gramímea, e fatores edafoclimáticos que influenciam no processo de ganho de peso. Posteriormente, incluir-se-á também pontos negativos como a intoxicação decorrente do elevado consumo da gramínea, princípio tóxico, demais patologias e seus achados comumente associados em bovinos. No cenário atual, o Brasil conta com o maior rebanho comercial de bovinos de corte do mundo, e a pecuária nacional é basicamente composta de pasto, dados indicam que 80% do rebanho esteja alojado em pastagens sendo as gramíneas do gênero Brachiaria a maior fonte de alimento. A intoxicação por B. decumbens afeta bovinos, caprinos, ovinos, bubalinos, podendo ocorrer a qualquer época do ano, sendo a época de seca onde mais se relatam casos. Em bovinos ocorre principalmente em bezerros próximos ao desmame ou recém desmamados, a Brachiaria contém saponinas esteroidais litogênicas que induzem a formação de cristais no sistema biliar, uma das causas da doença hepática dos bovinos. Em bovinos os primeiros sinais clínicos decorrentes da intoxicação caracterizam-se por perda de apetite, depressão, anorexia, diminuição ou parada de movimentos ruminais, sialorreia e fezes secas. Por esses motivos, os bezerros não devem ser desmamados em áreas com Brachiaria decumbens, pois o estresse do desmame somado a idade do animal e a possível existência de animais geneticamente susceptíveis são alguns dos fatores cruciais para o aparecimento de alguma enfermidade

    Palavras-chave

    gramínea , forrageira , fotossensibilização , plantas tóxicas,bovinos

    Texto completo:

Junho

Idioma

Conteúdo da revista