v. 11 No. 2 p. 103-206 (2017) >>

PCR-RFLP: uma alternativa a cultura (padrão Ouro) no diagnóstico de dermatófitos em cães e gatos

  • PCR-RFLP: uma alternativa a cultura (padrão Ouro) no diagnóstico de dermatófitos em cães e gatos

    Carlos Adriano de Santana Leal, Pomy de Cássia Peixoto Kim, André da Rocha Mota, Débora Costa Viegas de Lima, Ana Lisa do Vale Gomes, José Wilton Pinheiro Júnior, Leonildo Bento Galiza da Silva, Rinaldo Aparecido Mota

    Resumo

    Dermatófitos são fungos queratinofílicos e queratinolíticos causadores da dermatofitose em homens e animais, e mesmo com uma variedade de métodos disponíveis, o diagnóstico laboratorial ainda representa uma grande dificuldade na rotina da clínica veterinária. Objetivou-se avaliar a técnica da PCR-RFLP como uma alternativa a cultura na identificação de dermatófitos em cães e gatos. Analisou-se 150 amostras clínicas de animais com dermatopatias. Culturas e extrações de DNA dos pelos e/ou crostas foram realizadas. Colônias de M. canis (URM 6273), M. gypseum (URM 6921) e T. mentagrophytes (URM 6211), provenientes da Coleção de Culturas - Micoteca URM – Departamento de Micologia, Centro de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Pernambuco (CCB/UFPE), foram utilizadas para verificação de padrões de bandas diferenciados que identificassem estas espécies. Os primers utilizados foram ITS 1 e ITS 4. A endonuclease BseBI foi a escolhida para a obtenção do padrão de fragmentos. Para o estudo de concordância entre os testes utilizou-se o coeficiente de Kappa (K). Observou-se uma concordância muito boa entre os resultados da cultura e da PCR-RFLP (K = 0.813). Conclui-se que a técnica molecular apresentou grande potencial de identificação de dermatófitos em amostras clínicas de cães e gatos, no entanto, ressalta-se a necessidade de se ampliar esses estudos, para futura indicação da PCR-RFLP na rotina laboratorial.

    Palavras-chave

    dermatofitose , enzima de restrição , espaçadores transcritos internos , micose superficial , rdna

    Texto completo:

Fevereiro

Idioma

Conteúdo da revista