v. 11 No. 02 p. 103-206 (2017) >>

Implicações patológicas após o uso de anticoncepcional, em cadelas situadas em Teresina-PI

  • Implicações patológicas após o uso de anticoncepcional, em cadelas situadas em Teresina-PI

    Tiago Gonçalves Azevêdo de Fonsêca Honório, Ana Paula Barros Fonseca, Estéfane Kelly Dias Araújo, Vanessa de Meneses Moura, Rômulo Aécio Alves Chaves, Marcelo Campos Rodrigues, Rozeli Pizzigati Klein

    Resumo

    As cadelas são animais multíparas de gestação curta, que produzem em geral, proles numerosas que podem atingir a maturidade sexual a partir de seis meses de idade. Na atualidade, o controle populacional da espécie canina e consequentemente das zoonoses deve ser contemplado em programas ou políticas públicas pelos gestores municipais e estaduais. A esterilização cirúrgica constitui a principal medida para esse controle. As drogas anticonceptivas principalmente as injetáveis para prevenir ou retardar o cio ou estro e não permitir uma fertilidade futura, foram muito utilizadas na década de 80 e no início de 90 e continuam até os dias de hoje. O objetivo deste trabalho é analisar a prevalência e as principais implicações associadas ao uso de anticoncepcionais em cadelas atendidas no Hospital Veterinário Universitário “Médico Veterinário Jeremias Pereira da Silva” da Universidade Federal do Piauí, no período de janeiro de 2012 a julho de 2014, onde pôde-se concluir que o uso de anticoncepcionais possivelmente está relacionado com a alta ocorrência de casos de piometra, neoplasia mamária e aborto.

    Palavras-chave

    Aborto , anticoncepção , neoplasia , piometra

    Texto completo:

Fevereiro

Idioma

Conteúdo da revista